Corpete floral

Para quem gosta da ideia de ver um corpo firme o corpete floral é uma bela opção para a meia estação. Este modelo faz um belo coordenado com uma calça jeans ou uma saia comprida. É adequado para quem gosta de vestir de forma casual.

Estes trabalhos exigem algum conhecimento técnico em termos de corte e costura. O corpete ou espartilho é sem dúvida uma das peças mais intrigantes da história da indumentária. Quer seja pela sua forma rígida ou pelo seu significado ele é usado desde o século XVI até os dias actuais. O corpete mantém o seu aspecto composto por barbatanas marcando firmemente os contornos da silhueta. É de facto uma peça muito apreciada pela mulher porque deixa a mulher mais feminina e sensual. Deve ser usado com moderação porque o uso continuo pode causar algumas complicações. A circulação sanguínea e a respiração pulmonar devem ser acauteladas. Não use demasiado justo.

Corpete floral molde passo a passo

Desenhe o molde base frente e costas.
Desenhe o decote nas frentes e costas.
Desenhe a altura do corpete.
Desenhe as linhas nas frentes e costas onde pretende.
Divida os valores das pinças ou pence e retire nas linhas que desenhou anteriormente.
Desenhe as pinças ou pence.
Faça os acertos do molde final.

Corpete floral

O molde base não tem valor de costura, tem que ser acrescentado. Este modelo fica bem com tecido ou tela em seda, sable e cetim. Todos os tecidos encorpados são adequados para fazer este modelo. Folga 5% (exemplo em um metro 5 cm de folga). Para fazer este corpete floral necessita de 80 centímetros de tecido. São necessárias duas ou uma alturas de tecido conforme a largura da peça.

Partilhar

Deixe aqui o seu comentário

Select Language